Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Humanidade... Será que ainda é uma realidade?

Domingo, 04.11.12

"O mundo está sujo, está tão doente, tão cheio de ladrões, violadores, assassinos, pedófilos, que as pessoas já nem dão importância, desde que não os afecte..."


Eis uma frase que li num filme, um filme que é "virtual" mas com uma frase tão acertada...

Infelizmente é a dura realidade, basta para isso olhar para os jornais. A quantidade de selvejaria que por aí anda, não há respeito, não há integridade.

Neste "mundo económico" vale tudo... Seja roubar, seja explorar, seja violar ou até mesmo matar, interessa é conseguir "poder".

E o pior de tudo isto é a conformidade das gentes... Assim como diz a frase, é deveras preocupante o "facto" de as pessoas virarem a cara ao lado aos problemas... Não nos diz respeito, olhemos em frente, pelo menos a nossa vida continua, o que até tem a sua lógica, afinal de contas, no meio de tanto selvagem, o mais importante é protegermos os nossos e a nós próprios não é?

Mas não será isto uma bola de neve? Não estamos nós num caminho mto perigoso, em direcção aos antigos filmes do faroeste, onde toda a gente era cowboy e matava só porque sim? 


Hoje em dia está mais que provado que os pais não educam os filhos, é o sistema que os educa. Nascem, aprendem a falar e entram para o infantário, a seguir vem a creche, depois a escola, universidade, e pronto estão crescidos. A tv não ajuda, em vez de informar desinforma e emburrece.... Depois tb há os videojogos? Já não se joga á macaca, ou á bola ou ao berlinde, agora é matar, matar e matar e mais morte...

Os pais? Andam preocupados em trabalhar para poder proporcionar tudo isto, porque hoje em dia é quase "obrigatório" que as crianças sejam sujeitas a isso...


Eu não sei bem quando começou a aparecer esta ideia de creches, secalhar há cerca de uns 20 anos por aí.. Agora a minha questão é, olhando para a sociedade há 20 anos atrás, e olhando para a sociedade hoje, será que está a resultar?? Estaremos mais educados e mais cultos, o é mais o oposto? Será que a ideia original está a ter resultados práticos? Eu quero acreditar que sim, é que pode parecer estranho, mas não ando muito entusiasmado com a ideia de um dia ter de dar um tiro em alguém por causa de um pacote de arroz...





A minha teoria da conspiração para isto resume-se a impostos, afinal de contas domésticos, sejam homens ou mulheres, não os pagam, no entanto se tiverem de trabalhar para poderem proporcionar estas coisas.... Se imaginarmos que toda a população faz parte de um casal, e metade for doméstico, faz impacto. Mas pronto, não passa de uma louca teoria da conspiração :)



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Madox às 22:30


2 comentários

De Menina ImPerfeita a 12.11.2012 às 21:39

mas já reparaste que essa situação é cada vez mais visível nas cidades? ainda no outro dia, quando estava a trabalhar, uma senhora pediu-me ajuda, estava-se a sentir mal e no entretanto um casal queria a minha atenção por causa de receber a oferta. Entre o tentar explicar que já não tinha oferta e que estava a ajudar uma senhora que estava-se a sentir mal, já estava a ser criticada por um casal de idosos. Ou seja, na minha opinião o "não querer saber", "má-educação" não é só um defeito dos jovens, é da sociedade que vive nas cidades e a quem não souberam ensinar o ato de simples simpatia, sem esperar nada em troca.

De Madox a 13.11.2012 às 19:47

A sociedade das cidades está habituada a nem conheçer o vizinho que mora no apartamento da frente, acho k é uma sociedade anti social... Nas aldeias as pessoas sabem quem mora até nas aldeias vizinhas... Não sei bem o que é, mas sinceramente, o termo "sociedade" de social é cada vez mais inexistente....

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


Contador


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Novembro 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

pesquisar

Pesquisar no Blog  




comentários recentes

  • meialaranjainteira

    :) Porque não experimentas?Fica bem.

  • Madox

    Vou-te ser sincero, não tenho acompanhado nada dos...

  • meialaranjainteira

    Estou bem, a caminho de o ser... :) Se me visitare...

  • Madox

    Olá! Já acreditei muito, mas cada vez, acredito me...

  • meialaranjainteira

    Olá!Há-de ser diferente, um dia. Acredita!Fica bem...

  • Madox

    Bem, se é justo que começo por dividir homens e mu...

  • Anita Pardalita

    Antes de tecer qualquer outro comentário tenho de ...

  • Madox

    Não é necessáriamente confuso, mas continua a não ...

  • Teresa

    Parece confuso, mas não é.... Do meu ponto de vist...

  • Madox

    Pois, o fim, consegue-se imaginar, mas vá, realmen...